Dicas

6 passos para estudar melhor do que 99% de seus colegas

34.jpgVocê já conhece a fórmula básica para estudar melhor: planejar, criar horário de estudo, revisar o conteúdo e cuidar da saúde. Hoje, no entanto, reunimos para você dicas não tão comuns assim. Mostramos para você em 6 passos como você pode impulsionar seus estudos e se destacar em sua classe, fazendo o que a maioria não faz: ir além do conteúdo pronto que é passado em sala de aula.

1. Consulte várias fontes e forme sua opinião

De um modo geral, estudantes procuram por fontes confiáveis de informação, seja anotações de colegas de classe, livros on-line ou recursos. Esta pode ser uma tática eficaz, mas para o melhor resultado o ideal é comparar diversas fontes (livros, apresentações, vídeos e etc) e então criar o seu próprio material de estudo.

Ao fazer isso, você estuda melhor porque aprende enquanto analisa diversos pontos de vista e tem a possibilidade de, se encontrar algo novo ou que está relacionado ao tema, adicioná-lo ao seu material de estudo personalizado.

Ao final, você não apenas terá conhecimento aprofundado sobre um assunto como terá formado sua própria avaliação a partir de diferentes pontos de vista, aumentando seu poder de raciocíno e argumentação – e não ficar restrito a apenas uma linha de pensamento.

2. Meça seu progresso desde o primeiro dia

Todos os estudantes já estão acostumados a testar seu conhecimento por meio de Simulados. No entanto, a maioria dos alunos fazem isso quando já é tarde demais e os exames estão se aproximando.

O ideal para se sobressair e estudar melhor, é testar-se regurlamente. Assim, o seu cérebro irá reter as informações com mais facilidade e por mais tempo, além de ter uma idéia clara de como você está progredindo ao longo do tempo. Sem contar que, além de prepará-lo com mais folga para as provas, praticar com testes regurlamente ajuda a reduzir os níveis de stress.

Os Simulados On-line de GoConqr são ideiais para esse processo, uma vez que você tem acesso aos seus resultados e estatístcas de desempenho automaticamente ao final da prova. Com isso, você mantem o controle de suas pontuações ao longo do tempo e monitora seu progresso nos estudos.

3. Use sua inteligência emocional

Em muitos casos o que realmente distingue os melhores alunos não é sua inteligência acadêmica, mas sua inteligência emocional. “Então, o que é isso?”, você pergunta. Inteligência emocional refere-se a sua capacidade de permanecer motivado e lidar com situações estressantes.

Pesquisadores da Universidade de Stanford descobriram que, na verdade, o quociente emocional dos alunos (EQ) era um fator mais adequado para medir o sucesso do que o quociente de inteligência (QI). Dessa forma, aqueles com uma mentalidade fixa, tendem a focar nos problemas e sentir-se sobrecarregados. Enquanto que aqueles com uma mentalidade de crescimento, abraçam desafios e tratam-os como uma oportunidade de aprender algo novo.

Uma boa estratégia é não ver o estudo como algo importante apenas para passar nas provas, já que isso coloca a ênfase no fato de que você será avaliado, o que leva ao estresse. Ao invés disso, deposite suas energias no fato de que você está adquirindo conhecimento para sua vida.

4. Não se compare

Pode parecer irônico que uma das dicas sobre como estudar melhor do que 99% de seus colegas é não comparar-se a eles, mas esse é um fator-chave. Você quer se destacar, e por isso estamos lhe guiamos com essas dicas não tão comuns. Mas lembre-se de que o sucesso significa algo diferente para cada um de nós.

Portanto, os melhores alunos não perdem tempo se comparando, já que estão focados em suas próprias necessidades e objetivos. Ao se comparar, você atrapalhar sua concentração, motivação e criatividade. Concentre-se em suas metas e em seus próprios desafios, dedique-se e pense positivo.

5. Evite atalhos

Estudar apenas para as provas ou apenas por meio de resumos e decoreba é desperdício de tempo e energia. A longo prazo, você sentirá a importância de adquirir um conhecimento aprofundadado e isso só é possível se você se dedicar a estudar melhor os conteúdos do início ao fim, utilizando diferente técnicas de aprendizagem e criando seu próprio material de estudo.

A preguiça pode parecer atraente, mas o trabalho dá satisfação.” – Anne Frank, O Diário de Anne Frank

6. Comunique-se

O ato de estudar também pode ser um processo colaborativo. Há enormes benefícios para a criação de uma rede de contatos (professores, colegas e outras pessoas que possam estar interessadas) com os quais você pode entrar em contato para discutir idéias e compartilhar pontos de vista.

 

Fonte

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s